sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Exercícios de Atualidades Comentados 03



EXERCÍCIOS DE ATUALIDADES – CONCURSOS PASSADOS (COMENTADOS)


(UnB/CESPE – ABIN)-A Bolívia radicalizou a tese da volubilidade do Estado nacional até o início do século XXI, afastando-se ela mesma da média de recomposição institucional dos demais países da América do Sul. Os fatos bolivianos que assustam o brasileiro médio nesses dias e as preocupações naturais ante a iminência do corte de suprimento de gás ou dos riscos de uma guerra civil na fronteira porosa, seca e imensa que o Brasil compartilha com aquele país expõem as dificuldades que permanecem para a formação de instituições do Estado moderno de direito do outro lado da fronteira.(fonte:José Flávio Sombra Saraiva. Duas nações e um Estado imperfeito.In: Correio             Braziliense, 13/9/2008, p. 23 (com adaptações).

-Tomando o texto acima como referência inicial, julgue os itens de 26 a 30, relativos à instabilidade política na Bolívia,suas raízes históricas e seus desdobramentos recentes, bem como suas conseqüências para o processo de integração em
curso na América do Sul.

1-(   )-A Bolívia, apesar de isolada no contexto sul-americano,vem buscando desenvolver um sistema de alianças extracontinentais seguras com parceiros internacionais confiáveis e apreciados por todas as lideranças políticas da UNASUL.
2-(    )- A ausência de uma saída para o mar — a Bolívia localiza-se entre os Andes e o mundo platino-brasileiro —, elites esgarçadas e uma economia em franca retração são fatores que justificam o conjunto de dificuldades que a Bolívia vem enfrentando desde 2003.
3-(   )- A doutrina da não-intervenção, tradicional na formulação jurídica de Estados novos e revivida na América do Sul, focada na manutenção das soberanias políticas dos Estados nacionais, se traduz, na crise boliviana, no alheamento dos Estados responsáveis pelo avanço de proposições voltadas para o diálogo e no esforço de estabilidade do país mais central da América do Sul.
4-(   )-A dicotomia entre as elites economicamente poderosas do oriente boliviano e o governo central dos Andes pauperizado, quase artificial e inventada pelas próprias elites, não reflete plenamente a realidade boliviana, com baixos níveis de cidadania em todo o território e com migrações internas e intensas nos níveis de baixa escolaridade e elevada pobreza.
5-(  )- A crescente importância do Brasil e da Venezuela no cenário sulamericano,inclusive no que se refere à mediação entre partes em crises regionais, emana da modernização econômica, da tranqüilidade política e da projeção internacional de que gozam os dois países, em igual proporção e legitimidade internacional.

(UnB/CESPE – STJ -Cargo 3: Analista Judiciário/ com adaptações )-Estaríamos entrando na era dos autocratas? É certamente tentador pensar assim depois de ver a recente surra dada pela Rússia na Geórgia. Essa invasão marca com clareza uma nova fase na política mundial, mas seria um erro pensar que o futuro pertence à mão pesada do russo Vladimir Putin e aos seus colegas déspotas. Estou pessoalmente interessado em discernir o formato do novo momento internacional, porque em 1989 escrevi um ensaio intitulado O Fim da História? Nele, eu argumentava que as idéias liberais haviam triunfado de maneira conclusiva com o fim da Guerra Fria. Mas, hoje, o predomínio dos Estados Unidos da América sobre o sistema mundial está fraquejando; Rússia e China se oferecem como modelos, exibindo uma combinação de autoritarismo e modernização que claramente desafia a democracia liberal. Eles parecem ter grande número de imitadores.
                        Francis Fukuyama. Democracia resiste a novo autoritarismo. In: O Estado de S.Paulo, 31/8/2008, p. A24 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando aspectos marcantes da realidade mundial contemporânea, julgue os itens que se seguem.

6-(    )- A recente intervenção militar russa mencionada no texto foi justificada por Moscou como de apoio à separatista Ossétia do Sul, alvo de ataque por parte do poder central da Geórgia.
7-(     )- Infere-se do texto que o episódio militar citado no primeiro parágrafo circunscreve-se à região em que se situou, o Cáucaso, sendo irrelevante para a compreensão do atual cenário internacional.
8-(    )- Ao contrário do que se previa há duas décadas, o fim da Guerra Fria fez recrudescer as tensões do sistema bipolar mundial, ampliando a rivalidade americano-soviética, como se vê nos atuais incidentes envolvendo a Geórgia.
9-(   )- O autor reconhece que, na atualidade, o poder mundial norte-americano não se manifesta de maneira inequívoca e emite sinais de algum tipo de fragilidade.
10-(    )- Especificamente em relação à China, a modernização a que se refere o texto situa-se fundamentalmente no campo econômico, com alguma abertura à iniciativa privada e crescentemente vigorosa participação no mercado global.
11-(   )- Para ser aceita na comunidade internacional, especialmente na Organização Mundial do Comércio, a China viu-se impelida a promover sensível abertura política e aproximar-se do modelo liberal do Ocidente.
12-(  )- Encerradas há pouco, as Olimpíadas de Pequim foram usadas pela China para demonstrar ao mundo pujança, vigor e capacidade de realização do país, no que introduziu inédito sentido político a uma competição que desconhecia esse tipo de procedimento.
13-(   )- Ao mencionar o grande número de imitadores do modelo político autocrático, o texto se refere ao atual cenário sulamericano, caracterizado por governos fortes, alçados ao poder pela força das armas, ainda que com respaldo popular.
14-(   )- Além de limitações econômicas, parte significativa da África está hoje submetida a governos considerados autocráticos e,em determinadas regiões, a conflitos étnicos de elevada dramaticidade, como atesta o caso de Ruanda.

( UnB/CESPE – ABIN)-A permeabilidade das fronteiras, as modificações operadas pela globalização e a porosidade das relações entre economia internacional e Estado nacional geraram novos desafios para a defesa e a segurança do Estado. A respeito desse tema, julgue os itens a seguir:

15-(  )- Fatores que são apresentados como impulsionadores do declínio do Estado e da soberania, como o terrorismo internacional, o crime organizado, o narcotráfico e a ameaça de espionagem, são igualmente responsáveis pela ampliação e expansão de estruturas de inteligência sob comando estatal em quase todo o mundo.
16-(  )- Nos Estados democráticos, cresce a demanda pela formação e implementação de políticas governamentais voltadas para os controles e supervisões dos serviços de inteligência.
17-(  )- Para garantir a segurança do Estado, não importa o regime político, devendo a eficiência e a eficácia dos serviços de inteligência sobre matérias relevantes, como o terrorismo internacional, prevalecer sobre o princípio da transparência.
18-(   )- A globalização econômica trouxe consigo a possibilidade de aumento da interação entre os processos produtivos e o consumo, mas também a presença estratégica de grandes empresas globais vinculadas, direta ou indiretamente, ao aparelho político e estratégico de Estados nacionais que utilizam a internacionalização para a realização de seus interesses nacionais e para reforçar suas capacidades decisórias.
19-(   )- Os serviços históricos prestados na segunda metade do século XX e no início deste século, bem como a segurança institucional de estruturas organizacionais
como CIA, KGB e Mossad, são amplamente reconhecidos, dada a confiança que os cidadãos de seus respectivos países e do mundo depositam em tais corporações.

(UnB/CESPE – PMDF )-Segurança é tema mundial. Há preocupações nessa área em quase todas as grandes capitais do mundo. A respeito desse assunto, julgue os itens a seguir.

20-(  )- As soluções para a insegurança presente em capitais como Londres, Paris ou Nova Iorque, que impedem o próprio direito de ir e vir dos cidadãos em seus espaços urbanos, são radicalmente diferentes das que podem ser utilizadas em capitais de países como o Brasil e seus vizinhos na América do Sul.
21-(   )- Métodos violentos e a mera repressão ostensiva não são suficientes para explicar as causas mais profundas da violência que amplia o sentimento de insegurança em grandes cidades do mundo.
22-(   )- A crescente terceirização da segurança, a privatização dos serviços de defesa de casas e condomínios, entre outros meios crescentes de garantia de segurança em grandes cidades, tem-se mostrado um caminho promissor no campo da melhoria da segurança.
23-(   )- Roubos e furtos a bancos de pequenas cidades, fazendas e sítios rurais no Brasil, entre outros crimes, sugerem que há um fenômeno de interiorização da insegurança.
24-(   )- A violência nas grandes cidades do mundo também expõe o consumismo desenfreado e as expectativas egoístas que se formam nas crianças e nos jovens, empurrados cedo para a obtenção de prazeres e bens a qualquer custo, até mesmo por meios ilícitos, o que gera insegurança no meio social em que vivem.

( UnB/CESPE – ABIN/com adaptações)-As migrações internacionais ocupam parte importante das diplomacias e dos serviços de defesa do Estado e dos cidadãos comuns que atravessam fronteiras diariamente, em todo o mundo. A respeito desse tema, julgue os itens seguintes.

25-(   )- A criminalização crescente das migrações econômicas e sociais denota que o direito de ir e vir da pessoa faz-se subalterno ao privilégio universal da livre circulação dos capitais.
26-(    )- As migrações internacionais, amenizadas no continente africano diante do fim do ciclo belicoso interno das últimas décadas do século XX, deixou de ser um tema
relevante das relações interestatais afro-européias.
27-(    )- O Brasil, país marcado, no fim do século XIX e início do século XX, pelas imigrações européias e asiáticas,fator importante para a formação do Brasil contemporâneo, mudou seu padrão migratório ao ter-se tornado também país de emigrantes.
28-(   )- A migração forçada ou enganosa, muitas vezes em forma de tráfico de pessoas, ainda que seja um tema de impacto internacional, possui modesta implicação na segurança dos Estados nacionais neste início de século.

Leia o texto a seguir:

(UnB/CESPE – Banco do Brasil S.A./ com adaptações) - Mesmo quando  ando sucumbimos aos nossos impulsos consumistas, estamos sempre pagando um preço além daquele debitado em nossa conta bancária. Quando você  compra um carro, por exemplo, não está adquirindo apenas um veículo útil ou um símbolo de status. Você leva também um possível agente poluidor e — se levarmos em conta os  números de acidentes nas estradas do país — uma arma em potencial. Nesse caso, há o preço da consciência ambiental e da responsabilidade de dirigir não apenas para si mesmo,  mas para a comunidade como um todo. O comprador acaba levando mais do que compra e, para o bem maior da coletividade, é preciso que arque com essas despesas extras. Planeta, maio/2006, p. 50 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a amplitude do tema por ele abordado, julgue os itens subseqüentes.

29-(   )- O consumismo é característica do mundo contemporâneo e decorre, entre outros fatores, da considerável ampliação da oferta de produtos e da influência exercida pelas modernas técnicas de publicidade.Por outro lado, na sociedade urbano-industrial contemporânea, o shopping center tende a ser referência não apenas econômica, mas também de sociabilidade, uma forma modernizada dos antigos mercados que existiram ao longo da História.
30-(   )- A referência à consciência ambiental, feita no texto, remete a uma nova concepção de sistema produtivo, a de desenvolvimento sustentável.
31-(   )- Entre as diversas organizações não-governamentais (ONGs) que atuam em todo o mundo, inclusive no Brasil, muitas se dedicam à defesa do meio ambiente.
32-(   )- Nos dias atuais, os esportes de massa — como o futebol — ainda conseguem ficar à margem do consumismo e do mundo dos negócios, provavelmente graças à paixão genuína
que suscitam.

 (UnB/CESPE – STJ -Cargo 4: Técnico Judiciário )-Declarações sem qualquer fundamentação técnica tentaram em vão fazer uma relação direta entre a produção de biocombustíveis e o aumento do preço dos alimentos. Há inúmeros fatos que refutam tais afirmações. Há, hoje, uma crescente demanda no consumo de alimentos, impulsionada por países como China e Índia,concomitante a um aumento da população mundial e a uma elevação de renda dos países emergentes.Outro ponto que interfere nos custos dos alimentos é o preço do petróleo, matéria-prima para grande parte dos combustíveis utilizados no maquinário agrícola, no transporte de alimentos e na produção de fertilizantes.
            Marcelo S. D. Junqueira. Quem é o vilão? In: Jornal do Brasil,caderno Brasília, 3/9/2008, p. R3 (com adaptações).
           
            -Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a multiplicidade de aspectos que ele suscita, julgue os itens seguintes.

33-(    )- Os dois países citados no texto — China e Índia — são considerados economicamente emergentes, apresentando expressivos índices de crescimento anual e crescente participação no mercado global.
34-(    )- Infere-se do texto que há correspondência entre ampliação do poder aquisitivo das populações e aumento da demanda por gêneros alimentícios.
35-(   )- China e Índia se assemelham não apenas quanto ao desenvolvimento econômico, mas também se identificam na adoção de regimes políticos claramente autoritários.
36-(    )- Por serem elemento central no sistema produtivo contemporâneo,os preços do barril de petróleo no mercado mundial tendem à estabilidade, não estando sujeitos a oscilações na década atual.
37-(   )- O texto destaca o impacto exercido pelo petróleo na composição do preço final dos gêneros alimentícios, estando presente desde a preparação do solo até a chegada ao consumidor final.
38-(   )- O uso generalizado do petróleo no sistema produtivo do mundo contemporâneo contribui para o agravamento dos problemas ambientais, razão adicional para a busca de fontes alternativas de energia.
39-(   )- Infere-se do texto que a utilização de produtos como o milho para a produção de energia reduz a oferta de alimentos e acarreta a conseqüente elevação dos preços dos gêneros alimentícios.
40-(    )- Embora disponha de terras em abundância para o plantio, o Brasil ainda não dispõe de tecnologia que lhe permita apresentar-se como importante produtor de biocombustível.
41-(  )- Há consenso entre os especialistas de que a fome no mundo decorre de uma incontornável realidade: a produção de alimentos é demasiado pequena em relação ao número de habitantes do planeta.
42-(    )-No Brasil dos dias atuais, o programa Bolsa Família corresponde a um tipo de política pública voltada para a transferência de renda para os segmentos mais carentes da população.


( UnB/CESPE – ABIN)-Apesar da ampliação dos mercados, a globalização da economia e o crescimento dos fluxos de mercadorias reafirmam a desuniformidade do espaço terrestre e dão visibilidade à sua heterogeneidade e à sua diversificação pela ação das sociedades que o modelam.Iná E. Castro. Geografia política, território, escalas de ação e instituições. Bertrand Brasil, 2006, p. 234.

            -Tendo o texto acima como referência inicial e considerando os assuntos por ele suscitados, julgue os seguintes itens.

43-(   )- Em função da busca da competitividade e da heterogeneidade do espaço, as empresas se dirigem para locais onde haja mão-de-obra qualificada e barata e infraestrutura adequada.
44-(   )-A globalização, como fenômeno em curso no mundo, é caracterizada pela integração de mercados, levando o crescimento econômico a todas as regiões, articuladas segundo um processo equitativo de distribuição de riqueza.
45-(   )- Para a inserção de países como o Brasil, o México e a Argentina na nova realidade econômica mundial, as organizações financeiras internacionais exigiram a reforma
do Estado, para a ampliação da autonomia deste e para a garantia do crescimento econômico por meio da centralização da tomada de decisão.

(UnB/CESPE – ANTAQ Caderno R- Cargo 12: Técnico Administrativo )-A Polícia Federal desferiu um dos maiores golpes na história do tráfico de drogas sintéticas no Rio, cuja característica é muito distinta do praticado nos morros da cidade. Os policiais cumpriram mandados de prisão por todo o país — só no Rio foram utilizados 22 agentes e presas 42 pessoas, a maioria jovens de classe média alta moradores da Zona Sul. Eles utilizavam um esquema de mulas (pessoas usadas para transportar a droga), que levavam cocaína para o exterior e traziam ecstasy, LSD e haxixe. As operações se estenderam por Brasília, Paraná, Santa Catarina,Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas, Bahia e Pernambuco.Jornal do Brasil, 12/2/2009, p. A2 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a importância e as ramificações do tema nele abordado, julgue os itens seguintes.

46-(    )- Há consenso a respeito de que as atuais políticas de combate às drogas ilícitas têm obtido expressivo êxito, razão pela qual o consumo dessas substâncias vem caindo vertiginosamente, sobretudo nos Estados Unidos da América (EUA) e na Europa.
47-(   )- Sabe-se que, até agora, as organizações de tráfico internacional de drogas utilizam-se de aeroportos para suas operações, em razão das dificuldades com que se defrontam para agir nos grandes portos.
48-(    )- Em consequência do caráter federativo da República brasileira, a instituição policial mencionada no texto é subordinada e dirigida pelos governos estaduais.
49-(    )- O tráfico de drogas ilícitas é atividade criminosa que movimenta muito dinheiro e ocorre em escala global.
50-(   )- Utilizada pelas organizações criminosas globais, a lavagem de dinheiro tem por objetivo dar aparência legal aos ganhos obtidos por meios ilícitos.
51-(   )- De acordo com o texto, o tráfico de drogas ocorre sempre de maneira idêntica, independentemente do tipo de mercadoria e de quem a transaciona.
52-(   )- O texto confirma a crença de que a miséria e a exclusão social levam a práticas criminosas.
53-(   )- No episódio citado no texto, a ação policial desenvolveu-se em várias regiões do país, exceto no Sudeste.
54-(   )- No texto, a menção a drogas sintéticas faz referência à cocaína e à maconha.
55-(   )- O tráfico de drogas ilícitas é um dos principais estimuladores do quadro de violência que se observa no Brasil e em grande parte do mundo contemporâneo.
56-(    )- Os avanços tecnológicos que caracterizam o atual estágio da economia mundial, comumente denominado globalização, também são apropriados por organizações criminosas que atuam em escala mundial.
57-(   )-Na periferia dos centros urbanos brasileiros, crianças e adolescentes que vivem em situação de risco social costumam ser atraídos como mão de obra de grupos e facções dedicados ao crime.
58-(   )- Não raro, áreas urbanas carentes costumam ser dominadas por organizações criminosas que nelas atuam e que, muitas vezes, exercem papéis típicos do poder público.

( UnB/CESPE – ABIN/ COM ADAPTAÇÕES)-O século XX assistiu a um rápido crescimento da população mundial, que partiu de 1,6 bilhões e alcançou 6,1 bilhões. Não se prevê uma estabilização para o atual século,
porém, para 2050, a expectativa é de 9 bilhões de habitantes no planeta. Abaixo, o gráfico mostra os dez países que deverão apresentar o maior incremento populacional no mundo.

            -Julgue os itens que se seguem, acerca das informações do texto acima

59-(   )_ Ao lado da perspectiva de crescimento populacional mundial, o movimento de pessoas cruzando fronteiras como imigrantes é um aspecto relacionado ao processo de
integração global, fonte potencial de conflitos sociais.
60-(   )- O Brasil, cujo aumento populacional é registrado,evidencia uma mudança no perfil de crescimento a partir da queda observada na taxa de crescimento populacional do país, do aumento da expectativa de vida e da diminuição da participação relativa de jovens no total da população.
61-( )- Embora o crescimento populacional contribua para o aumento dos problemas ambientais, como a destruição da cobertura florestal e a poluição em suas várias formas, a necessária intensificação na exploração dos recursos naturais terá a sua sustentabilidade ambiental e econômica assegurada por meio do desenvolvimento da tecnologia, já que esta implica o adequado aumento da produtividade.


( UnB/CESPE – ABIN)-Perduram imagens obsoletas sobre a região amazônica, verdadeiros mitos. Não apenas os mitos tradicionais da terra exótica e dos espaços vazios, mas também mitos recentes que obscurecem a realidade regional e dificultam a elaboração de políticas públicas adequadas ao seu desenvolvimento. Nas últimas décadas do século XX, mudanças bem mais drásticas ocorreram na região, tanto no que se refere a aspectos políticos e econômicos quanto no que diz respeito a políticas públicas. As populações regionais se organizam e se tornam atores políticos significativos, a cooperação internacional financeira e tecnocientífica assume influência crescente, e o terceiro setor emerge como mediador de interesses diversos, reduzindo o papel do Estado. B. K.. Becker. Amazônia: nova geografia, nova política regional e nova escala de ação. In: M. Coy e Kohlhepp (Coords.). Amazônia sustentável. Garamond, 2005, p. 23-4 (com adaptações).

            -Tendo o texto acima como referência inicial, julgue os próximos itens,acerca das transformações político-econômicas que têm ocorrido na região amazônica.

63-(   )- A implementação de novas políticas regionais trouxe como conseqüência para a Amazônia a desarticulação dessa região da dinâmica socioeconômica no Brasil, prevalecendo, então, os interesses locais, isto é, da própria região.
64-(   )- O aproveitamento da vastidão das terras da região amazônica por meio da alocação de pequenos produtores rurais, na segunda metade do século XX, desencadeou intenso fluxo migratório para a região.
65-(  )- Na região amazônica, a desconcentração da propriedade da terra,decorrente da ocupação desta por pequenos agricultores,direcionados por programas de assentamento implementados tanto pelo Estado, no caso do Programa Integrado de Colonização,quanto pela iniciativa particular, tornou a estrutura fundiária da Amazônia diferente da de outras regiões do país, em que existem os conflitos agrários.
66-(    )- Na Amazônia, o avanço da fronteira agrícola ocorre por meio da recuperação das áreas degradadas utilizadas para o cultivo de produtos, cuja exportação representa uma forma de inserção do Brasil no mercado internacional.

(UnB/CESPE – MEC Caderno ANÍSIO TEIXEIRA)-A morte do senador Edward Kennedy, aos 77 anos de idade, encerra uma era nos EUA, marcada pela influência de uma poderosa dinastia, sinônimo de história, idealismo, carisma e tragédia. Ted Kennedy foi voz combativa contra ditaduras e denunciou no Congresso norte-americano a tortura e os assassinatos políticos no Brasil. O Globo, 27/8/2009, capa (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando o tema a que ele se refere bem como o cenário mundial contemporâneo, julgue os itens que se seguem.

67-(   )- Por meio da expressão “poderosa dinastia”, faz-se referência,no texto, à família Kennedy, que exerceu papel proeminente na política norte-americana e mundial em parte do século XX.
68-(   )- No texto, a palavra “tragédia” remete, sobretudo, aos assassinatos de dois integrantes da família Kennedy, John e Robert, o primeiro deles morto quando ocupava a presidência
da República.
69–(   )-Ted Kennedy ganhou projeção mundial graças a sua atuação,nos EUA, como deputado federal por quase meio século.
70-(   )- Na recente atuação política de Ted Kennedy, destacava-se o combate à reforma da saúde proposta pelo governo Obama.
71-(   )- Correligionário do presidente Barack Obama, Ted Kennedy pertencia ao Partido Republicano.
72-(   )- Infere-se do texto que Ted Kennedy era um político comprometido com a defesa do regime democrático e das liberdades públicas.

( UnB/CESPE – ABIN)-Com relação ao processo de modernização agrícola brasileira e suas implicações, julgue os itens subseqüentes.

73-(    )- Embora sejam evidentes os esforços de modernização das atividades no campo, o aumento do volume da produção brasileira decorre do aumento da área de terra cultivada.
74-(    )- Resultante da maior inserção do país no contexto internacional, a modernização agrícola, com a conseqüente queda da necessidade de trabalho humano no campo, contribuiu para o processo de urbanização no Brasil.
75-(  )- O desenvolvimento agrícola ocorrido no Brasil coloca-o como provedor de bens primários para o mercado mundial, já que o país apresenta incipiente nível de industrialização.
76-(   )-No Brasil, as mudanças nos padrões produtivos geram efeitos sociais, tais como o desemprego, o subemprego e a migração inter e intra-regional.
77-(   )- Os conflitos pela posse de terra no Brasil ocorrem tanto nas áreas tradicionais de produção agropecuária como nas novas áreas de expansão agrícola, a exemplo da região Centro-Oeste.

(UnB/CESPE – ANTAQ Caderno R- Cargo 12: Técnico Administrativo )-A expectativa que se iniciou nos EUA com a posse de Barack Obama percorre a América Latina, enquanto os países aguardam a definição da nova política americana para a região.
Embora Obama tenha prometido uma nova era de relacionamento, existe, nessa região, uma consciência generalizada de que as atenções do novo presidente americano estarão mais voltadas para a crise econômica e as guerras no Afeganistão e no Iraque. Problemas, no entanto, como a violência e o tráfico de drogas no vizinho México devem requerer atenção especial de Obama,enquanto países da região temem que um maior protecionismo à
economia americana afete seus tratados comerciais. O Globo, 15/2/2009, p. 39 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a abrangência do tema nele tratado, julgue os itens seguintes.

78-(  )- No Iraque, os EUA derrubaram Saddam Hussein com relativa facilidade, mas encontraram forte resistência posterior, gerando inúmeras baixas, má repercussão internacional e crescente insatisfação da própria opinião pública norte-americana.
79-(   )- O Afeganistão tornou-se alvo da ação dos EUA desde os atentados de 2001, sob a acusação de que esse país asiático servia de abrigo para terroristas.
80-(   )- A eleição de Barack Obama suscitou grandes expectativas nos EUA e no mundo inteiro principalmente pelo fato de ele ser de grupo de oposição ao governo que se encerrava, o de
George W. Bush.
81-(   )- País que já conviveu com a escravidão e que tem forte tradição de discriminação racial, os EUA fizeram de Obama o primeiro negro a assumir a Casa Branca.
82-(    )- Embora tenha-se iniciado na Europa, a atual crise econômica atingiu diretamente os EUA e o Japão.
83-(   )- No rastro da presente crise, surge um grave problema com profundas repercussões sociais: o fechamento de postos de trabalho.
84-(   )- A indústria automobilística sofre o impacto negativo da crise, com redução de vendas, produção e número de empregos.
85-(   )- De acordo com o texto, a política externa de Barack Obama estará centrada, desde o início e com atenção redobrada, na América Latina.
86-(   )- Embora não faça fronteira com os EUA, o México é prioritário para a diplomacia norte-americana por causa do grande número de imigrantes mexicanos instalados no território norte-americano.
87-(   )- Aludido no texto, o termo protecionismo econômico é definido como a abertura das fronteiras do país para proteger e estimular o comércio internacional.
88-(   )- Na atualidade, os países latino-americanos que melhor se relacionam com os EUA são Cuba e Venezuela

(UnB/CESPE – PMDF )-Diante do aprofundamento da crise internacional, o presidente do Banco Mundial, Robert Zoellick, fez previsão sombria acerca do desempenho da economia global neste ano. Segundo sua estimativa, o Produto Interno Bruto (PIB) de todos os países somados encolherá entre 1% e 2% em 2009.
Correio Braziliense, 13/3/2009, p. 14 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial, julgue os itens que se seguem, relativos aos aspectos mundiais e brasileiros da crise econômica mundial.

89-(    )- O Brasil apresenta-se imune à crise, não tem seu PIB abalado pelo atual momento econômico mundial e tem sinais de elevado crescimento econômico para 2009.
90-(    )- O Japão, segunda economia do planeta, que já conheceu no passado momento recessivo, prepara-se para impacto duro da crise internacional sobre o seu crescimento.
91-(   )- Os países emergentes da Ásia, como a China e a Índia, não manifestam preocupações com a crise do capitalismo, pois seguem com índices de produção e ampliação expressiva dos seus mercados internos.
92 -(   )-Os aspectos discutidos no encontro bilateral entre os presidentes Barack Obama e Luís Inácio Lula da Silva, em março de 2009, indicam que um dos caminhos para a saída da crise é um plano global, multilateral e cooperativo entre as economias dos
hemisférios Norte e Sul.

 (UnB/CESPE – MEC Caderno ANÍSIO TEIXEIRA)-Estudo recente afirma que os países pobres podem sofrer mais de 90% dos efeitos humanos e econômicos da mudança climática. Os cinquenta países mais pobres, no entanto, contribuem com menos de 1% das emissões globais de dióxido de carbono, o principal gás do efeito estufa. A África é a região mais ameaçada: quinze dos vinte países mais vulneráveis ficam no continente. O sul da Ásia e os pequenos países insulares em desenvolvimento também estão ameaçados.Os países pobres querem que os ricos assumam metas mais ambiciosas de redução das emissões de gases do efeito estufa e que transfiram dinheiro e tecnologia para ajudar na redução dos efeitos da mudança climática nas nações em desenvolvimento.
Jornal do Brasil, 25/8/2009, p. A20 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a abrangência do tema nele abordado, julgue os itens seguintes.

93-(   )- Os especialistas acreditam que os efeitos negativos da mudança climática serão igualmente sentidos nas diversas regiões do planeta.
94-(   )- Depreende-se do texto que os países mais industrializados e ricos são os que mais emitem gases poluentes na atmosfera, que ampliam o efeito estufa.
95-(   )- A maioria dos países sujeitos a sofrerem mais intensamente o impacto do aquecimento global localiza-se no continente asiático.
96-(   )- O Protocolo de Kyoto tem por objetivo a redução — principalmente pelos países em desenvolvimento — da quantidade de gases ampliadores do efeito estufa que tais países lançam na atmosfera.

( UnB/CESPE – ABIN)-Do ponto de vista político, o mundo apresenta  senta o aspecto de um grande caos: por um lado, a multiplicação de uniões econômicas regionais, por outro, o renascimento de  nacionalismos, ascensão de fundamentalismo, Estados divididos. A maioria dos conflitos são internos, intra-estatais.Além disso, redes internacionais de caráter mafioso e o crime  organizado constituem novas ameaças porque controlam toda a espécie de circuitos clandestinos (prostituição,contrabando, tráfico de drogas, venda de armas,disseminação nuclear).J. W. Vesentini. Novas geopolíticas – as representações do século XXI. Contexto, p. 75 (com adaptações).

            -A partir do texto acima, julgue os itens a seguir.

97-(    )- A atuação de organismos internacionais como o Fundo Monetário Internacional e a Organização Mundial do Comércio tem eliminado as concentrações e os desequilíbrios nas atividades econômicas, provocados pelo avanço da globalização.
98-(   )- É observada a formação de uniões econômicas regionais pela reunião de países geograficamente limítrofes ou não,onde perduram políticas de resistência à globalização da economia, impedindo o comércio com outros blocos econômicos e países para concentrar o aumento de riqueza dos países pertencentes ao próprio bloco.
99-(   )- Entre as causas atuais para a existência de conflito entre nações, ou em um mesmo país, estão os problemas ambientais, que se tornaram tema de discussões e de acordos em fóruns internacionais, motivando ações conjuntas.Um exemplo de ação mitigadora levada a efeito cooperativamente entre países foi a contenção do petróleo derramado no mar por ocasião da Guerra do Golfo.
100-(  )- A ascensão do fundamentalismo teve origem nos conflitos inter-étnicos, particularmente freqüentes em países que abrigam diferentes povos, com diferentes religiões.


(UnB/CESPE – STF )-A escalada nos preços dos alimentos diante da forte demanda no mercado mundial mobiliza autoridades em todo o planeta. Desde o ano passado, os preços de alimentos subiram em média 40%. Nos últimos três anos, a alta foi de 83%. O presidente Lula, na Holanda, disse que é necessário produzir mais em nível mundial, mas que não se pode culpar o investimento nos biocombustíveis pela pressão. Segundo ele, o aumento dos preços de alimentos se dá pelo fato de “as pessoas pobres estarem começando a comer” em lugares como China, Índia e América Latina. Para o representante da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) no Brasil, a crise mundial de alimentos é fruto de ataque especulativo.
            Jornal do Brasil, 11/4/2008, p. A17 (com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando aspectos significativos do atual panorama da economia mundial, julgue os itens que se seguem.

101-(  )- Independentemente das razões que levaram à atual escalada nos preços dos alimentos, é correto afirmar que é da natureza das economias de mercado a majoração do preço de mercadorias quando a demanda por elas é maior do que a produção existente.
102-(   )- Infere-se do texto que países ricos, emergentes ou pobres, além de organismos multilaterais e de especialistas em geral, concordam quanto à identificação da causa comum determinante para o quadro de inflação dos alimentos hoje existente no mundo.
103-(   )- No atual cenário mundial, China e Índia se apresentam como países que emergem  rigorosamente na economia mundial,o que prova estar em franco declínio a acentuada
competitividade que sempre caracterizou a globalização.
104-(     )- Depreende-se das palavras do presidente Lula que o Brasil fez a opção estratégica de ampliar seus espaços no comércio global mediante o aumento da capacidade brasileira de
produzir etanol ainda que às expensas da redução das áreas de plantio de alimentos.
105-(    )- Um exemplo de ataque especulativo que atinge o setor de alimentos, na linha argumentativa utilizada pelo representante da FAO no Brasil, seria a ampliação dos investimentos para a compra de commodities agrícolas.

(Prova  SEPLAG fogo-2009)A camada do pré-sal é uma faixa de oitocentos quilômetros de extensão que se estende ao longo do litoral brasileiro, abaixo do leito do mar, e engloba três bacias sedimentares (Espírito Santo, Campos e Santos). O petróleo encontrado nessa área está a  profundidades que superam os sete mil metros, abaixo de uma extensa camada de sal que, segundo geólogos, conserva a qualidade do petróleo.Internet (com adaptações).
-A respeito da camada do pré-sal, julgue os itens que se seguem.

106- (    )- A exploração da camada do pré-sal pode vir acompanhada pela doença holandesa, problema que consiste no aumento de receita de exportação de recursos naturais que pode causar a desindustrialização, devido à valorização cambial.
107-(   )- As reservas do pré-sal foram anunciadas há dez anos, depois da criação do modelo de partilha na exploração de petróleo.
108-(   )- A PETROBRAS, principal empresa petrolífera nacional,deve-se tornar inteiramente estatal após o início da exploração do pré-sal.

(prova SEPLAG beta-2009)- O mapa da produção científica brasileira está mudando.Recente censo informa que, entre 2006 e 2008, houve um crescimento no número de pesquisas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Outro dado que demonstra mudança no cenário do conhecimento é o aumento de pesquisadoras. Em 1993, para cada grupo de 100 pesquisadores, apenas 39 eram mulheres. Hoje, elas já são 51% dos cientistas envolvidos em pesquisa. As áreas de medicina, educação e agronomia continuam sendo as três maiores em número de linhas de pesquisa.(fonte: Correio Braziliense, 26/8/2009, p. 24 /com adaptações).

-Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a abrangência do tema por ele tratado, julgue os itens subsequentes.

109-(   )- A EMBRAPA tornou-se símbolo de um Brasil que deu certo,sendo reconhecida internacionalmente pela excelência de seu trabalho de pesquisa voltado para o campo.
110-(   )- No mundo globalizado, o domínio do conhecimento é essencial ao desenvolvimento e ao êxito nas disputas em uma economia demasiadamente competitiva.
111-(    )- Na atualidade, o Brasil situa-se entre os dez países que mais investem em ciência e tecnologia, motivo pelo qual já integra o G-8, o grupo das economias mais poderosas do planeta.
112-(    )- O aumento do número de pesquisas nas regiões citadas no texto indica que deve estar ocorrendo uma descentralização da produção do conhecimento no Brasil.
113-(   )- O processo de ascensão da mulher na sociedade contemporânea é consequência de luta histórica e ocorre de maneira desigual, de modo que avanços em determinadas regiões coexistem com situações de absoluta subalternidade feminina em outras partes do mundo.
114-(   )- No atual cenário científico brasileiro, as mulheres já são mais da metade do conjunto de pesquisadores do país.
115-(   )- O desprestígio profissional que hoje caracteriza as carreiras vinculadas à educação explica o pouco interesse suscitado pela área, em termos de investigação científica.

(-PROVA SEPLAG –D) Apesar dos avanços, no Brasil, 11,5% das crianças de oito e nove anos são analfabetas. Esse percentual já foi bem maior (47%, em 1982), mas, na atual década, vem caindo em ritmo mais lento. A situação é mais grave no Nordeste (23% de crianças analfabetas), especialmente no Maranhão (38%), Alagoas (29%) e Piauí (27%). A Provinha Brasil — que avalia o 2.º ano do ensino fundamental — mostra que, na cidade do Rio de Janeiro, em Belo Horizonte e no Distrito Federal (DF), mais de um terço dos estudantes estava abaixo do nível considerado adequado. Eles não são necessariamente analfabetos, mas apresentam dificuldades até mesmo para ler frases curtas ou palavras mais complexas. Além disso, em famílias mais ricas (mais de cinco salários-mínimos per capita), aos cinco anos de idade, quase metade (47%) das crianças já se alfabetizou. Entre as mais pobres, o percentual é de 10%. Uma criança não alfabetizada com mais de oito anos de idade apresenta dificuldades não apenas em português, mas em todas as outras disciplinas já que sua capacidade de compreender textos é limitada. (FONTE Folha de S.Paulo, 12 /7/2009, p. C4 -com adaptações).
-Considerando o texto acima, julgue os itens a seguir.

116-(   )- Verifica-se que, no Brasil, há correlação entre o índice de alfabetização e o nível de renda da população.
117-(   )- Uma criança não alfabetizada até os oito anos apresenta problemas relacionados apenas ao domínio da língua materna.
118-(   )- No DF, ao contrário do que ocorre em outras partes do país,registra-se um percentual estatisticamente insignificante de crianças com problemas de leitura.

(Prova seplag –D) expansão da agricultura brasileira e de seus efeitos. O crescimento da demanda por biocombustíveis inflama ainda mais esse assunto, uma vez que há receio de que essa demanda possa competir por área com a produção de alimentos. Além disso, as mudanças climáticas, os preços do petróleo, a questão da segurança energética bem como a recente reforma das políticas agrícolas mundiais combinaram-se para empurrar os biocombustíveis para o topo da agenda política global.
Internet: <www.knowledge.allianz.com.br> (com adaptações).
-Considerando o texto acima como motivação inicial, julgue os itens que se seguem a respeito do uso de biocombustíveis e seus impactos no meio ambiente.

119-(   )- O desmatamento, no caso do Brasil, é o maior responsável pela emissão de gases de efeito estufa.
120-(    )- O interesse por biocombustíveis aumenta à medida que países resolvem estabelecer metas de redução de gases de efeito estufa.
121-(    )- Ao contrário da produção do etanol, a de biodísel tem apresentado decréscimo.
122-(   )- Os combustíveis fósseis são considerados limpos porque o carbono que emitem é reciclado pelas plantas produtoras de biocombustíveis.

(prova seplag –D)- A projeção da população, em documento elaborado pelo IBGE, aponta cenário em que o Brasil leva para o futuro vantagens comparativas promissoras e desafios persistentes. Em 2035, a população brasileira terá mais idosos do que crianças, e as mulheres serão a maioria. A indústria disporá de abundantes fontes de energia renovável. Em um mundo carente de recursos,congestionado por 9,2 bilhões de habitantes e com a temperatura alguns graus centígrados mais alta, o país ainda terá florestas virgens, terra agriculturável e muita água. Janela para o futuro. In: Revista Brasil Sustentável, n.º 24, jun.-jul./2009, p. 47 (com adaptações).
-Considerando o texto acima como referência inicial, julgue os itens seguintes.

123-(  )- O envelhecimento da população brasileira aponta para desequilíbrio financeiro no sistema de previdência social ao longo das próximas décadas.
124-(    )-No futuro, o perfil demográfico do Brasil se tornará parecido com o da Europa atual.
125-(   )- A projeção de que haverá o envelhecimento da população implica, necessariamente, que, no futuro, a população brasileira aumentará em ritmo maior do que nas últimas décadas.

Comentários dos itens errados

1-a Bolívia não está isolada no contexto sul-americano, fazendo parte , por exemplo do Mercosul e da UNASUL.

2-não é a questão da ausência de saída para o mar que trouxe os problemas vividos na atual conjuntura política da Bolívia.Na verdade as crises políticas são muito freqüentes neste país e a disputa de poder local leva aos confrontos e as instabilidades políticas.


5-a Venezuela não goza de tranqüilidade política, uma vez que o seu presidente Hugo Chaves desafia os EUA e a Colômbia constantemente e sua “democracia” esconde um governo populista, nacionalista e disposto a deflagrar conflitos na região a qualquer momento. internamente, A Venezuela também não está vivendo a plena democracia, uma vez que o direito de expressão não é aceito por Chaves.

7-no próprio texto fica evidente que a região do Cáucaso é importante na geopolítica atual.

8-após o fim da Guerra Fria, as disputas entre Soviéticos e Norte americanos perdeu muita força. Primeiramente não existe mas a URSS , que foi fragmentada em vários países, sendo a Federação Russa o mais importante.No incidente da Geórgia, os EUA se mantiveram de longe, e procuraram dissuadir os russos a continuarem com os ataques à Geórgia.

11-A China não teve uma abertura política e continua uma severa ditadura do partido único , o PCCh(Partido Comunista ChInês). Na verdade , até mesmo a sua abertura econômica não foi total, o que aconteceu foi um socialismo com concessões ao capitalismo, não sendo a primeira vez que isto ocorria.

12-nas Olimpíadas de 1980 na URSS, os soviéticos fizeram os jogos tendo como um dos principais trunfos a propaganda política de seu sistema econômico.Nos jogos em Pequim, ocorreram algumas semelhanças com este espírito propagandístico de seu sistema político.

13- o atual cenário sulamericano é caracterizado por governos fortes, alçados ao poder pelas votos e não pela força das armas, tendo grande respaldo popular.

17-não é aceitável que os serviços de inteligência possa estar acima das leis e das constituições democráticas que garantam os direitos individuais e coletivos.

19-A KGB era a inteligência da extinta URSS, portanto, também não existe mais. A CIA pertence a inteligência dos EUA e o MOSSAD é a inteligência de Israel.

20-na verdade os cidadãos de Londres, Paris e Nova Iorque não são impedidos de ir e vir nestas localidades e no caso do Brasil e de nossa vizinhança, as leis quanto aos movimentos migratórios(permanentes ou transitórios), seguem as leis do Mercosul.

22-este modelo de terceirização da segurança mencionado no texto não é uma garantia de melhoria da segurança.Somente com melhorias públicas(saúde, educação,moradia,emprego,lazer etc) é que a segurança irá melhorar.

26-As migrações internacionais não deixaram de ser um tema relevante das relações interestatais afro-européias.Se observarmos bem, veremos que as migrações de africanos para a Europa vem aumentando e gerando a xenofobia dentro do continente europeu.

28-é evidente que a migração forçada ou enganosa de pessoas  é um tema de impacto internacional, possuindo muitas implicações implicação na segurança dos Estados nacionais neste início de século.

32-é evidente que o futebol é uma das molas mestres do consumismo mundial, através de seus patrocinadores.

35-China e Índia são países muito diferentes, economicamente e politicamente. Na economia a China é um socialismo de mercado e a Índia é uma país capitalista. Quanto a política,a China é uma ditadura do PCCh e na Índia é difundido a democracia pluripartidarista.

36-é óbvio que o preço do barril do petróleo está sujeito as oscilações do mercado mundial, seja por conflitos que não permitam a sua produção e distribuição, seja por crises econômicas que diminuam o consumo do mesmo ou até mesmo por manobras feitas através de uma política de dumping(controle de preços), por parte da OPEP- Organização dos Países Exportadores de Petróleo.

39-no próprio texto introdutório da questão já se refuta esta idéia quando se diz “Declarações sem qualquer fundamentação técnica tentaram em vão fazer uma relação direta entre a produção de biocombustíveis e o aumento do preço dos alimentos...” É importante que ao fazer uma questão, leia-se atentamente o comando da mesma.

40-dizer que o Brasil não dispõe de tecnologia que lhe permita apresentar-se como importante produtor de biocombustível é um grande absurdo, uma vez que nosso país está na vanguarda deste setor.

41-na verdade a produção de alimentos é muito grande o problema está na má distribuição desta produção, bem como em sua distribuição.Por exemplo, o Brasil é um grande produtor de alimentos e ano após ano vem aumentando suas safras, por outro lado, boa parte desta produção vai para o exterior e no caso da soja, um alimento nobre, quem acaba comendo são animais que vivem no mundo desenvolvido, enquanto no Brasil ainda existem crianças desnutridas e passando fome.

44-A globalização, como fenômeno em curso no mundo, é caracterizada pela integração de mercados, porém, não podemos afirmar que a globalização está levando o crescimento econômico a todas as regiões,muito menos as  articulando dentro de um processo equitativo de distribuição de riqueza.

45-Para a inserção de países como o Brasil, o México e a Argentina na nova realidade econômica mundial, as organizações financeiras internacionais exigiram a reforma
do Estado, para a ampliação da autonomia deste e para a garantia do crescimento econômico por meio da descentralização da tomada de decisão.Esta é a cartilha do FMI/BIRD, que dão as base para o Estado-mínimo pregado pelo neoliberalismo.

46-o combate as drogas ilícitas não conseguem acabar , nem mesmo diminuir este grande mal que aflige todo o planeta.

47-na verdade os traficantes se utilizam com certa facilidade de aeroportos, portos, rodoviárias, enfim, inúmeros locais para traficarem suas drogas.

48-neste caso é dirigida pelo governo Federal

51-é claro que o tráfico não ocorre de maneira idêntica , pois cada droga tem sua particularidade ao ser transportada.

52-se fosse assim, só os pobres seriam criminosos e a classe média e alta estariam salvas da presença de pessoas criminosas vindas destas classes.Esta afirmação é um absurdo.

53-o próprio texto remete ao Rio de Janeiro e a Minas, ambos no Sudeste.

54-( e  )- são consideradas naturais as drogas que provem de certas plantas que contém drogas psicoativas, sendo esta matéria-prima usada diretamente como droga ou extraída e purificada. Temos como exemplo os cogumelos e a trombeteira, consumidos sob a forma de chá .As semi-sintéticas são resultados de reações químicas realizadas em laboratórios nas drogas naturais. É o caso da cocaína, da maconha, do tabaco, do álcool. Algumas delas são produzidas em escala industrial, como as bebidas alcoólicas e o cigarro. As sintéticas são produzidas, unicamente, por manipulações químicas em laboratório e não dependem, para sua confecção, de substâncias vegetais ou animais como matéria-prima. Temos como exemplos o LSD (Ácido Lisérgico) e o Ecstasy. Na categoria de drogas sintéticas incluem-se também os calmantes e os barbitúricos ou remédios para dormir, fabricados pela indústria farmacêutica com finalidade médica.

61-nem sempre o aumento da tecnologia leva ao desenvolvimento sustentável, uma vez que os recursos podem não conseguir acompanhar a crescente demando por alimentos, matérias primas energéticas e minerais,etc.

63- A implementação de novas políticas regionais trouxe como conseqüência para a Amazônia a sua inserção cada vez maior na dinâmica socioeconômica no Brasil, onde estão em jogo interesses locais, nacionais e até mesmo internacionais.

65- a estrutura fundiária da Amazônia não é diferente da de outras regiões do país, em que existem os conflitos agrários.

66- Na Amazônia, o avanço da fronteira agrícola ocorre por meio de forte degradação das áreas utilizadas para o cultivo de produtos, cuja exportação representa uma forma de inserção do Brasil no mercado internacional.

69– Ted Kennedy ganhou projeção mundial graças a sua atuação,nos EUA, como Senador  federal por quase meio século.

70- Na recente atuação política de Ted Kennedy, destacava-se a defesa à reforma da saúde proposta pelo governo Obama.

71-Correligionário do presidente Barack Obama, Ted Kennedy pertencia ao Partido Democrata.

73-Embora sejam evidentes os esforços de modernização das atividades no campo, o aumento do volume da produção brasileira não decorre necessariamente ao aumento da área de terra cultivada.Veja o gráfico a seguir:











75-nosso país apresenta um bom desenvolvimento industrial, contribuindo com cerca de 24% de nossa economia.Nosso parque industrial é um dos mais dinâmicos do mundo e um dos mais importantes dos países emergentes.

82-a crise teve início nos EUA e se alastrou para o resto do mundo.

85-na verdade a América Latina ainda não é o foco de atenção dos EUA,q eu tem no Oriente Médio maiores problemas a serem resolvidos, tais como no Iraque, Irã,Israel etc.


86-o México tem uma vasta fronteira com os EUA.

87-o próprio termo protecionismo já deixa uma pista do que seja: uma barreira (alfandegária/subisídio/barreira sanitária) que dificulta , protege os mercados nacionais.

88-Cuba de Fidel e Raul Castro e a Venezuela de Hugo Chaves, são desafetos conhecidos dos EUA.

89-É evidente que nosso país não estava imune a crise imobiliária , apesar de ter se saído melhor do que muitas economia de primeiro mundo, no combate a mesma.Por outro lado, a crise afetou nosso PIB e conseqüentemente atingiu o sistema produtivo.As medidas de intervenção do Estado em nossa economia(ex: isenção do IPI), foi uma das estratégias tomadas por nosso governo.

91-é claro que os países emergentes da Ásia, como a China e a Índia, manifestam preocupações com a crise do capitalismo, pois tiveram quedas nos índices de produção e ampliação retração dos seus mercados internos.

93-os efeitos negativos da mudança climática não serão igualmente sentidos nas diversas regiões do planeta.

95-A maioria dos países sujeitos a sofrerem mais intensamente o impacto do aquecimento global localiza-se nas regiões intertropicais (África, América Latina e Sul e Sudeste asiático)

96-O Protocolo de Kyoto tem por objetivo a redução, em uma primeira etapa que vai de 2008 a 2012 — principalmente pelos países desenvolvidos — da quantidade de gases ampliadores do efeito estufa que tais países lançam na atmosfera.

97-Muito pelo contrário, a atuação de organismos internacionais como o Fundo Monetário Internacional e a Organização Mundial do Comércio não tem eliminado as concentrações e os desequilíbrios nas atividades econômicas, provocados pelo avanço da globalização.

98-a formação de blocos econômicos não faz frente a uma resistência ao fenômeno da globalização, uma vez que os países ou blocos econômicos necessitam venderem seus produtos fora do bloco, bem com comprarem produtos de outros blocos.

100-A ascensão do fundamentalismo teve origem nos conflitos religiosos , sendo que mais tarde, acabou atingindo outras formas de conflitos , entre eles os inter-étnicos, particularmente freqüentes em países que abrigam diferentes povos, com diferentes religiões.

102- Infere-se do texto que países ricos, emergentes ou pobres, além de organismos multilaterais e de especialistas em geral, não concordam quanto à identificação da causa comum determinante para o quadro de inflação dos alimentos hoje existente no mundo.

103-na verdade não podemos dizer que a competitividade da economia mundial esteja  está em franco declínio.

104-no discurso de LULA fica evidente que com o aumento da capacidade brasileira de
produzir etanol não reduziu as áreas de plantio de alimentos.

107- As reservas do pré-sal foram anunciadas recentemente pelo governo Lula.

108- A PETROBRAS, principal empresa petrolífera nacional, é de economia mista, e não irá mudar esta situação.

111-o Brasil não faz parte do G-8. Na verdade nosso país faz parte do G-20

117- Uma criança não alfabetizada até os oito anos apresenta problemas relacionados a várias áreas do conhecimento cognitivo.

118-No DF, registra-se um percentual estatisticamente significante de crianças com problemas de leitura, assim como nos demais Estados da Federação.

121- A produção do etanol e do biodísel tem apresentado aumento.

122-Os combustíveis fósseis são considerados sujos porque o carbono que emitem é altamente poluente e são responsáveis por boa parte do aquecimento global.

125- projeção de que haverá o envelhecimento da população implica, necessariamente, que, no futuro, a população brasileira diminuirá em ritmo maior do que nas últimas décadas.







Nenhum comentário:

Postar um comentário