sábado, 29 de outubro de 2011

O DIA EM QUE ARNALDO JABOR TEVE QUE ENGOLIR SUAS PALAVRAS


Fonte : chicoteia.com.br

Amigos leitores, no dia 27 de novembro o pseudo-projeto de cineasta e jornalista Arnaldo Jabor foi censurado pelos ouvintes da rádio CBN, que tiveram de escutar de sua boca a seguinte frase:

"Finalmente, o Orlando Silva caiu do galho.”

Não se dando por satisfeito, iria continuar destilando uma sequência de xingamentos gratuitos e raivosos ao ex-Ministro Orlando Silva, ao seu partido e até mesmo à UNE. Para Jabor, o governo Lula foi a personificação do mal e, do FHC, o governo do bem.

Creio que o dever de um jornalista é divulgar as notícias com o máximo de imparcialidade e respeito às pessoas. Jabor já está decretando o veredito final ao ex-Ministro e ainda o desrespeitando como ser humano. Sinceramente, não sei como as ORGANIZAÇÕES GLOBO ainda mantêm uma pessoa com tamanho despreparo dentro de seu quadro de funcionários.

Sou ouvinte assíduo da CBN e tenho minhas discordâncias com alguns comentaristas da emissora, mas apesar de não concordar com algumas de suas opiniões, os ouço e vejo que, ao menos, são educados e mais criteriosos em seus linguajares.

Arnaldo Jabor é uma pessoa deplorável e acha que pode falar tudo o que pensa. Com sua língua solta, não tem nem o cuidado de tentar se segurar em seus comentários preconceituosos e cheios de duplo sentido.

Para mim, a CBN e o Jornal da Globo não deveriam mantê-lo falando asneiras dia  após dia.

Parece-me que a REDE GLOBO e a Rádio CBN não conseguiram blindá-lo e, já que sua chamada inicial para seus vis comentários foi trocada.

Veja a seguir a página da CBN no dia 27 de Outubro de 2011 e, posteriormente, observe que a chamada teve o título trocado:


Add caption



Pelo visto, a GLOBO não quis ir adiante com as grosserias de Arnaldo Jabor. Perceba que o título foi totalmente alterado, mas as palavras do hostil jornalista ainda ecoam na CBN, basta apertar o play do comentário “JABORIANO” e poderá ouvir suas impropriedades.

Faço uma sugestão à REDE GLOBO:

DEFENESTRA ESSE PSEUDO-INTELECTUAL DE SEU QUADRO DE FUNCIONÁRIOS E APRESENTE UMA DESCULPA FORMAL AO EX-MINISTRO E A TODOS OS OUVINTES E TELESPECTADORES QUE TIVERAM DE OUVIR AS BARBARIDADES PROFERIDAS NO DIA 27 DE OUTUBRO.

Suas declarações ofendem a todos nós brasileiros, que procuramos manter um país livre de radicalismos e racismo.

Para mim, Arnaldo Jabor tinha que se juntar a racistas como o Anders Breivik, que, em nome de seus preconceitos, matou tantos inocentes na Noruega. No lugar de armas de fogo, Jabor usa suas infames palavras e acha que pode sair de fininho sem que ninguém perceba suas entrelinhas. Até a ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência, Maria do Rosário, criticou o comentarista no microblog. "Quero repudiar veementemente a declaração racista do Arnaldo Jabor sobre o ex-ministro Orlando Silva. Isso é inaceitável!", escreveu.

Ouça, a seguir, o que disse Jabor no dia 27 de Outubro de 2011:






SUGESTÃO: 

VAMOS COMEÇAR UMA CAMPANHA ENTITULADA:

CALE A BOCA, JABOR 



Nenhum comentário:

Postar um comentário